O risco pode ser a salvação


"Quantos "agoras" perdermos esquecendo que o risco pode ser a salvação de muitas alegrias de nossas vidas... O medo que nos impede de sermos ousados agora, também está nos impedindo de vermos a linda pessoa que podemos ser."
(Clarice Lispector)

Tema do dia: Agora

Até que se prove o contrário, ainda não inventaram uma maquininha que nos faça voltar no tempo e agir de maneira diferente para remediar determinada situação. (...) A verdade é que revolver o passado é uma de nossas (vãs) artimanhas para tentarmos nos livrar deste fardo que carregamos nas costas: a culpa.

Ninguém está livre de sentir culpa ela é inerente a nossa vida. É lógico que há quem se sinta mais ou menos culpado. E também há jeitos e jeitos de lidar com esse sentimento. Se não podemos viver sem culpa, também não precisamos fazer com que ela seja corrosiva muito menos que sirva de álibi para remexermos aquilo que já foi feito.
.
Leia mais:

3 comentários:

Cirilo Veloso Moraes disse...

É como questionava Goethe, Mel: "Do que adianta você ter esta alma colada aos ossos dessa carne errada? Sem o risco a vida não vale a pena".

Ele dizia que se você arriscasse, poderia perder marido, esposa, namorada, namorado, filhos e filhas, emprego, a cabeça e até a alma, mas que era muito melhor isso do que ser como tantas outras pessoas que nunca acertam, porque nunca se propõem ao risco.

Ousemos, pois!

Xêro, querida.

;)

Linda Carioca disse...

Ah, vc como sempre, perfeita no tema escolhido ! BJS!

marcello disse...

Mel
Que coisa!
Eu estava lendo a revista de Domingo de O Globo, onde tinha uma matéria sobre o Luis Gaspareto e o comércio de auto-ajuda...Que coincidência...
Abçs
Bion
:)

Creative Commons License
Blog licenciado - Creative Commons License.